Agregação de Valor na Cotonicultura Familiar em MT

Agricultura Familiar

 

Prazo:  11/08/2005 a 31/03/2006
Situação do projeto: Inativo
Realizador: FETAGRI-MT
Parceiros: Prefeitura Municipal, Empaer, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Fetagri e Sebrae 
 
Descrição: Com o propósito de agregar valor ao algodão da agricultura familiar, em 2003 foi apresentado o projeto ”Agregação de Valor à Cotonicultura Familiar do Estado de Mato Grosso”. O projeto foi desenvolvido no município de Pedra Preta pelo fato de existirem cerca de 30 produtores que já plantavam o algodão colorido (BRS 200 MARROM). Além disso, o município faz parte do APL de confecção da Região de Rondonópolis, inserido no orçamento do Sebrae/Mato Grosso para triênio 2004-2006.
A atuação no município de Pedra Preta iniciou-se com seleção dos participantes definidas pelas entidades parceiras, baseando-se nos critérios de: pessoas com afinidade e interesse de trabalharem na atividade fiação e tecelagem, produtores rurais com cultivo do algodão colorido e fazerem parte do assentamento.
Os participantes foram organizados em três grupos: Assentamento São José Operário, neste grupo, além dos assentados foram envolvidas pessoas da comunidade do Bairro Jibóia por estarem localizadas próximas a esse assentamento. Assentamento Wilson Medeiros e o Assentamento do Banco da Terra e Canudos, que receberam o treinamento na sede do município. No total foram capacitadas 96 pessoas na atividade de carda, fiação e tecelagem manual do algodão colorido, demonstrando a possibilidade de gerar mais uma alternativa de renda às famílias do meio rural com agregação de valor ao produto in-natura.
Uma característica marcante do sucesso desta iniciativa foi o comprometimento das pessoas envolvidas no projeto, muitos deles caminhavam até 5 km para chegarem ao local dos treinamentos. Além da forte integração das entidades parceiras (Prefeitura Municipal, Empaer, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Fetagri, Sebrae e Facual). Nas experiências de apresentação do produto ao mercado consumidor (Participação nas feiras: SBPC, em Cuiabá e Feira da Agroindústria Familiar em Brasília) obtiveram resultados positivos com boa aceitação dos produtos. Todos esses fatores levam a contribuírem para a continuidade deste projeto, através da realização das ações que visem dar sustentabilidade e visibilidade dos trabalhos da comunidade.
 
Objetivos: Desenvolver uma linha de produto e ou coleção, com design diferenciado, adequado à realidade da comunidade e a do mercado consumidor, fortalecendo assim a organização produtiva, prevendo sua sustentabilidade.
 
Beneficiários: No total foram capacitadas 96 pessoas na atividade de carda, fiação e tecelagem manual do algodão colorido
 
Equipe: Adão da Silva; Terezinha Divina Santana; Adelar Umberto Schons; Soni Celito Martins; Shirlei T. C. Pereira; Iraci Ferreira de Souza; Rosangêla D. de Barros 
 
Atividades desenvolvidas: Realização da estrutura das unidades produtivas e de comercialização;
Apoio a gestão dos grupos;
Realização de ações de capacitação e aperfeiçoamento técnico;
Apoio da comercialização.

Copyright © IMA - Instituto Mato-Grossense do Algodão.
Rua Eng Edgard Prado Arze, 1777 Ed. Cloves Vettorato - 2 andar Quadra 03
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP: 78049-015
(65) 3321-6455/6482