Programa Alternativo para o Desenvolvimento Sustentável da Cotonicultura Familiar de Mato Grosso 2002

Agricultura Familiar

 

Prazo: 20/09/2002
Situação do projeto: Inativo
Realizador: Fetagri/MT
Parceiros: Fundaper, SAAF, Empaer-MT, Sebrae, Embrapa Algodão, Univag, Embrapa UEP, Facual.
 
Contexto: este programa foi criado com finalidade de apoiar os agricultores familiares do estado de Mato Grosso a produzirem o algodão com tecnologias adequadas, capazes de proporcionar aumento de produtividade com menos custo de produção, emprego e renda, através da utilização de sementes de qualidade, assistência técnica, crédito de custeio, apoio na comercialização, resgate de uso do algodão em trabalhos artesanais e acompanhamento direto a todos os produtores envolvidos. 
É fruto de uma parceria da Fetagri, com as entidades Fundaper, Empaer-MT, SAAF, Embrapa, Sebrae, Univag, DFA, Indea, Banco do Brasil e outras, com o apoio financeiro do Facual. Para a safra 2002/2003 o programa tem por objetivo apoiar a produção do algodão em nível de agricultura familiar, com o desenvolvimento de novas tecnologias, introdução do algodão de fibra naturalmente colorida, ecológico, e organização e verticalização da produção. Para isso é necessário uma assistência técnica efetiva, e implementação de projetos complementares constantes neste. Com estas medidas propõe-se, num período de 3 a 4 anos, organizar a cadeia produtiva do algodão em nível de agricultura familiar.
 
Descrição: promover o desenvolvimento sustentável da cultura do algodão, agregando valores à produção, gerando renda aos agricultores familiares e melhorando a sustentabilidade da atividade, através de inovações tecnológicas.
 
Público alvo: produtores familiares
 
Beneficiários: 200 produtores familiares
 
Equipe: Almir de Souza Ferro – Engenheiro Agrônomo
Adelar Umberto Schons - Engenheiro Agrônomo
Fabiano da Mata - Engenheiro Agrônomo
Marisbeth Gonçalves – Administradora de Empresa
Maria do Carmo H. C. Snowareski - Administradora de Empresa
 
Local: Cuiabá, Pedra Preta, Dom Aquino, Juscimeira, Jaciara, São José do Povo, Porto Esperidião, Gloria do Oeste, Curvelândia, Mirassol D’Oeste, Porto Estrela, Barra do Bugres, Carlinda e Diamantino.
 
Atividades desenvolvidas: prestação de orientação técnica e gerencial aos agricultores, nos aspectos de produção, industrialização, comercialização, organização e meio ambiente; resgate do uso do algodão em trabalhos artesanais; redução do impacto de agrotóxicos no meio ambiente, através de técnicas ecológicas de controle de pragas; introdução do algodão de fibra naturalmente colorida com alternativa de agregação de valor; definição de sistema adequado de produção para o algodão de fibra naturalmente colorida; implantação de miniusina, como projeto piloto, para início da verticalização da cadeia produtiva do algodão; garantia de fixação dos agricultores no campo para melhoria das condições de vida das suas famílias.

Copyright © IMA - Instituto Mato-Grossense do Algodão.
Rua Eng Edgard Prado Arze, 1777 Ed. Cloves Vettorato - 2 andar Quadra 03
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP: 78049-015
(65) 3321-6455/6482